Núcleos do PT Lisboa e Londres discutem inocência de Lula e julgamento no STF

Atividade virtual no próximo domingo (28) tem participação de Wadih Damous (PT/RJ), Gisele Cittadino (PUC-Rio), Marcelo Uchôa (UFPE), e Oscar Guardiola-Rivera (Universidade de Londres)

Domingo (28), os Núcleos do PT Lisboa e Londres convidam renomados juristas a discutir a inocência de Lula perante o chamado “Lawfare”, perseguição política usando meios judiciais. Wadih Damous, advogado, ex-presidente da OAB/RJ e ex-Deputado Federal (PT/RJ) participa da live, junto com a professora Gisele Cittadino (PUC-Rio) e o professor Marcelo Uchôa (UFPE), membros da ABJD – Associação Brasileira de Juristas pela Democracia, além do professor Oscar Guardiola-Rivera (Universidade de Londres). 

A atividade tem apoio do Comitê Lula Livre UK e começa pelas 15 horas no horário de Brasília, 18 horas em Lisboa e Londres, com transmissão nas redes sociais dos dois Núcleos:

Núcleo do PT Lisboa: @PTLisboaOficial

Núcleo do PT Londres: @PTLondres

Comitê Lula Livre UK: @ComiteLulaLivreUKFreeLULA 

“O maior escândalo judicial da História da humanidade”

Desde o início, a acusação, o julgamento, a condenação e prisão de Lula estão repletos de controvérsias, perante a falta de provas e ausência de um ato criminoso que pudesse ser imputado ao ex-presidente. Sua defesa vem consistentemente apontando falhas e ilegalidades nos processos da operação Lava Jato contra Lula. Mas não só, juristas renomados no Brasil e no mundo têm assinalado inúmeras falhas graves, considerando que Lula foi preso injustamente.

Vasta quantidade de informações, contendo diálogos entre juízes e procuradores da Lava Jato, foi revelada por um hacker que invadiu os telefones de várias autoridades. As conversas demonstram o que já se sabia: que a Lava Jato e os processos contra Lula assentam numa farsa. Procuradores e juízes atuaram em conluio, admitindo não terem provas contra Lula, a quem definiram como alvo, falsificando depoimentos, manietando os Tribunais superiores, lucrando financeiramente com os processos e agindo politicamente, exprimindo o objetivo de colocar a extrema-direita no poder. 

Sérgio Moro, juiz que condenou Lula e que atuava de conluio com os procuradores, acabou sendo ministro do governo Bolsonaro. O Supremo Tribunal Federal (STF) tem em mãos o pedido de suspeição de Moro e anulação dos processos. O ministro Gilmar Mendes afirma que a perseguição contra Lula é “o maior escândalo judicial da História da humanidade”. O ex-presidente, libertado após 580 dias preso sem qualquer prova, segue lutando pelo pleno reconhecimento de sua inocência. 

Os Núcleos do PT Lisboa e Londres frisam a importância de reparar a grave injustiça que foi cometida contra Lula e recuperação de seus direitos políticos. Hoje, mais do que nunca, reafirmamos: Lula livre! Lula inocente! Anula STF!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s